quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Silence

Ouves?
O som final.
Dele viemos,
À ele voltaremos.
Cruel e salvador,
Sádico e carinhoso.
O grito desumano e desalmado,
Sem timbre, nem ritmo.
O pedido de clêmencia,
A expectativa de uma resposta,
O segundo de explosão antes da alegria.
Silêncio.
Aquele que acolhe os apaixonados e sonhadores,
Com uma mão cravada de espinhos.
Desenvolve uma das armas mais perigosas do ser humano:
Sua mente.
Amansa dores dos bêbados amantes,
Instiga o ódio dos vingativos.
O fator que ajuda a equilibrar a balança do caos.
Silêncio.
Mortal, sombrio, frio,
Terminal.

Fallen Archangel

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Freundschaft

O que é amizade?
Confiar em alguém e se sentir bem do lado dessa pessoa?
Dividir momentos únicos, sejam eles tristes ou felizes?
É olhar outra pessoa, e encontrar um pouco de você?
É olhar pra você mesmo,
E não conseguir dizer como seria sem aquela pessoa?
Talvez isso e um pouco mais.
É estar disposto a dar um pouco da sua felicidade,
Para amenizar a tristeza do outro.
É chorar junto, rir junto, sofrer junto,
É fechar os olhos e confiar em alguém sem medo de ser traído.
Mas não seria a amizade uma forma mais racional de amor?
Já que além de nos ligar muito à alguém,
Nos faz olhar para a felicidade do outro com felicidade,
E não com inveja.
Já que nos faz estar do lado de alguém que de vez em quando nos machuca,
Mas mesmo assim, é indispensável?
Nos faz mudar certezas e rever conceitos,
E assim mudar a nós mesmos,
Sempre que passamos por um momento diferente,
Seja ele trágico ou feliz.
Talvez, e provavelmente, eu esteja errado,
Pois como cantou Cássia Eller:
"Pois sou criança, e não conheço a verdade,
Eu sou poeta e não aprendi a amar."

Fallen Archangel

I don't care

Ao contrário que você deve estar pensando,
Eu não guardo raiva de você.
Machucou ter você tão perto
E depois acontecer o que aconteceu.
Machucou ter te abraçado,
E depois ter recebido aquela amarga notícia.
Mas e daí?
Passou.
Não me arrependo de ter confiado meu coração pra alguém,
Que só pra variar,
Não deu a mínima.
Foi isso que me deu forças para me reerguer.
Por um momento tive raiva,
Mágoa, tristeza,
Mas passou,
A culpa não foi só sua,
Foi também desse idiota que não aprendeu ainda.
Que vocês tenham um futuro feliz,
Na verdade eu nem me importo mais.
Machucou,
Mais valeu a pena.
Melhor morrer com a certeza,
Do que viver com a dúvida eterna.

"If I'm killed by the questions like a cancer,
Then I'll be buried in the silence of the answer"
By Myself - Linkin Park

Fallen Archangel

When?

Quando você descobre que um amor,
Ou uma paixão,
Ou uma obsessão,
Ou somente um caso de admiraçao tem que acabar?
Quando você descobre,
Que todas as lágrimas,
Todos os segundos perdidos com raiva,
Todas as noites em claro,
Todas as gotas de vodka barata tomadas para esquecer,
Não valeram a pena.
Quando você descobre,
Que a pessoa não merece que você perca um segundo de alegria,
Se preocupando com ela.
Aí você para e pensa.
Fazer o que para se reerguer?
As forças, esperanças, sorrisos,
Se foram com a pessoa.
A resposta,
Pelo menos a que eu encontrei,
Foi essa:
A força está naquele lugar dentro da sua mente,
Em que você mantém seus demônios seguros,
E para se reerguer,
Terá que destruí-los.
Para se reerguer,
Terá que se unir com a parte mais negra da sua mente.
Mas você se reerguerá,
E mostrará pra pessoa que te fez sofrer tanto,
Que você é muito melhor que ela,
Pois ao contrário de ignorar os sentimentos de alguém,
Você esteve apto a abrir mão da sua felicidade por alguém que no fundo,
Nunca se importou.

Fallen Archangel

I'm Back

Depois de umas coisas meio tensas eu resolvi reviver essa joça aqui.

"Because the time to face my demons, ghosts and fears has come."

Fallen Archangel

sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

2009

O vento da noite sopra no meu ouvido,
E parece que entende o que eu estou passando.
Um futuro me esperando pela frente,
E um passado que insiste em se manter no presente.
E um passado que EU insisto manter no presente.
Eu achei que tinha crescido e conseguido resistir,
Mas nessa semana tive uma recaída.
A prova que a maior parte do ano foi praticamente em vão.
Agora só quero um pouco de paz pra tentar voltar ao normal,
Ou melhor,
Um pouco de guerra,
Qualquer coisa pra me distrarir,
E me fazer esquecer tudo isso.
Mesmo assim o ano valeu a pena,
Nunca me diverti tanto.
Fiz novos amigos,
Perdi alguns,
Vi que alguns que eu considerava irmãos,
Na verdade não valem nada.
Briguei algumas vezes,
Tive raiva muitas vezes,
Sofri muito.
E tudo isso quase sempre foi curado com um copo de vodka.
Pra esse ano que começa,
Só quero passar no vestibular.
Depois ...
É curtir ao máximo.
Se vier mais alguma coisa é lucro,
Se não vier, sem problemas.

Um Ótimo ano novo pra todos.

Fallen Archangel

terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Sim
Eu estou tão cansado
Mas não pra dizer
Que eu não acredito mais em você

Com minhas calças vermelhas
Meu casaco de general
Cheio de anéis
Eu vou descendo por todas as ruas
Eu vou tomar aquele velho navio
Eu vou tomar aquele velho navio
Aquele velho navio

Eu não preciso de muito dinheiro,
Graças a Deus
E não me importa, e não me importa não

Oh minha honey baby, baby, baby
Honey baby

Sim
Eu estou tão cansado
Mas não pra dizer
Que eu estou indo embora

Talvez eu volte
Um dia eu volto, quem sabe
Mas eu preciso
Eu preciso esquecê-la

A minha grande
A minha pequena
A minha imensa obsessão
A minha imensa obsessão

Oh minha honey baby, baby, baby,
Honey baby

O Rappa - Vapor Barato


Fallen Archangel

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Morte,
Constante universal para todas as coisas vivas.
Início e fim,
Um dia tudo acaba,
E isso amedronta as pessoas.
Todos já ouviram aquela frase:
"Só aprende a nadar quando a água bate.".
Isso quase aconteceu comigo.
De uma hora pra outra vieram as dores e o vomito.
Doze horas depois estava em uma mesa de cirurgia.
Uma semana de repouso em casa,
Pensei em muitas coisas,
Admito que quase enlouqueci,
Mas teve um pensamento que se fixou em mim e não se desgrudou ainda.
A distancia em que eu passei da morte.
Em menos de 7 horas provavelmente meu apendice iria estorar,
E uma cova iria estar me esperando.
Eu sempre pensei na morte,
Pela primeira vez fiquei com medo.
Sim, ela não passou tão perto,
Mas mesmo assim,
Assustou.
E foi com isso em mente,
Que eu resolvi mudar um pouco meu jeito de agir.
Eu já tinha dito isso em pelo menos 3 vezes,
Desta vez eu vou tentar de verdade.
Não prometo mais nada,
Primeiro por que eu não consegui cumprir nem as promessas que fiz à mim mesmo,
Segundo por que não sei se no meu estado atual vou conseguir mudar alguma coisa.
Vou tentar esquecer o medo de perder,
Vou tentar perder o medo de ouvir não,
Vou tentar parar de chorar um passado que eu insisto em manter no presente,
Vou tentar quebrar algumas barreiras criadas por mim mesmo.
Vou tentar viver a vida,
Vou aproveitar cada segundo ao lado daqueles que são importantes pra mim,
Vou tentar sorrir, mesmo quando algo estiver me deixando pra baixo.
A beleza da vida,
Não está no que acontece,
Está no jeito em que você interpreta e entende cada ação.
As quedas, as decepções, o sofrimento
São coisas que fazem parte da vida,
São inevitáveis.
O que diferencia o sábio do tolo,
É a capacidade de aprender com as dores,
É a capacidade de aprender com os tombos,
É a capacidade de superar as decepções,
É a capacidade de aguentar todo o sofrimento e ainda se manter firme.
É a capacidade de encontrar felicidade, no meio do caos.

Meu único projeto para o futuro:
Abraçar as esperanças que frustraram,
Juntar com os sonhos que no fim foram somente sonhos,
Misturar os sentimentos não correspondidos,
E transformar tudo isso em maturidade.
E com a maturidade,
Vem a força para os novos desafios.
Talvez assim,
Amanhã será melhor que ontem e hoje.

Fallen Archangel

quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Aniversario

Trocando a frase do meu msn, eu lembrei que estava perto do aniversario do blog, então vim ver e descobri que era hoje.
Não da pra explicar o que aconteceu desde que eu comecei a escrever aqui. Inúmeras conversas, risadas. Cresci muito, sofri mais ainda. Mesmo assim, foi bom.
Obrigado à todos que me ajudaram, à todos que entraram aqui.
E como diz aquela frase escrita no meio de uma aula chata:
"Não me importo de gritar e ninguém ouvir. O que me preocupa, é um dia não ter o que gritar."

Fallen Archangel

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Chuva

Quando parar de chover,
Talvez tudo melhore.
Quando parar de chover,
Talvez o sol vai brilhar de novo,
E com ele vai vir novas alegrias e esperanças.
Quando parar de chover,
Colherei os frutos,
E verei se realmente valeu a pena passar por tudo isso.
Quando parar de chover,
Poderei aproveitar a vida,
Pelo menos enquanto não chover de novo.
Mas,
Há o lado bom da chuva.
Ela dá o tempo e a possibilidade para mudar,
Ela deixa pensar no por que dela estar caindo,
Ela deixa pensar no que fazer para o sol voltar a brilhar.
E também há o lado ruim dela.
Depois de ela lavar tudo,
Quem garante que ela não vai mudar as coisas,
Quem garante que ela não vai levar tudo que foi criado
Com tanto esforço e dor?
Eu sei que fui eu que a causei,
Mas não sei como fazer ela parar,
Talvez só o tempo possa resolver isso,
Talvez eu tenha que entender
E corrigir meus erros para ela ir embora,
Aí está mais uma pergunta que eu quero saber a resposta.
Dói em mim ver ela caindo,
Mas mesmo assim não quero que ela vá.
Eu tenho medo de que no dia em que ela for embora,
Ela mostrar,
Que tudo que eu construi até agora,
Não é resistente e verdadeiro como eu esperava.

Fallen Archangel